Cidade e RegiãoNotícias

O “Dia D Contra Poliomielite” ocorre neste sábado na Policlínica Microrregional e Postos de Saúde de São João Nepomuceno

Entrevistados lamentaram a queda na procura por imunização na região de Bicas e São João Nepomuceno, alertando o risco de doenças, antes controladas, voltarem a afligir a população.

Alan: A cobertura vacinal foi tem sido prejudicada pela desinformação provocada pelas “Teorias da Conspiração”.

O diretor de Vigilância em Saúde, Alan Fernandes Costa da Silva, e a coordenadora de Imunização e Controle de Vacinas, Aline Tomé Malthik estiveram na emissora para motivar a população a participar das campanhas de imunização em andamento e auxiliar no combate às Teorias da Conspiração relacionadas às vacinas, que têm provocado uma queda na cobertura vacinal na região de Bicas e São João Nepomuceno.

Aline reforçou o convite para as campanhas em andamento e para a atualização dos cartões de vacinação.

Além de convidar a população a “colocar o cartão de vacinação em dia”, eles realçaram que, graças a implementação de vacinas nos países, há aumento na longevidade e controle de doenças que antes ceifaram vidas de milhões de pessoas ou acarretaram sequelas graves e irreversíveis nos pacientes. Contudo, alertaram que algumas doenças, consideradas sob controle, devido à cobertura vacinal, ressurgiram devido às campanhas de desinformação, que reduziram a procura por imunização.

 O Estatuto da Criança e do Adolescente, sancionado em 1990, estabelece que “é obrigatória a vacinação das crianças nos casos recomendados pelas autoridades sanitárias”.

Em caso de descumprimento, os pais podem ser multados (de três a 20 salários mínimos), acusados de negligência e até responder por homicídio doloso (quando não há intenção de matar) —se ficar provado que a criança morreu por não tomar vacina.

Ocorre que essas punições raramente são aplicadas, o que explica em parte por que o Brasil vem experimentando surtos de doenças até então controladas, como sarampo.

Campanhas em andamento em São João Nepomuceno:

Além destes assuntos, eles destacaram que a Secretaria Municipal de Saúde de São João Nepomuceno realiza, neste sábado (08), o dia D da Campanha de Vacinação contra a Poliomielite, tendo por alvo crianças com idades de 1 ano a menores de 5 anos incompletos, na Policlínica e nos Postos de Saúde dos distritos de Roça Grande e Carlos Alves.

Eles relembraram que crianças menores de 1 ano de idade devem atualizar a caderneta de vacinação.

A campanha acontece na Policlínica e nos Postos de Saúde (bairros e Distritos) até o dia 14 de junho de 2024, de 2ª a 6ª feira, no horário de 8h às 11h e de 13h às 15h30 (exceto feriados).

Para vacinar:

  • A criança deve comparecer acompanhada dos pais e/ou adulto responsável;
  • Levar cartão de vacinas, cartão do SUS e documento da criança.

COVID-19

Em relação a aplicação da vacina monovalente contra COVID-19, a imunização ocorre na Policlínica, de 2ª a 6ª feira, no horário de 8h às 11h e de 13h às 15h30.

Obs. As pessoas que estão com vacinações completas ou incompletas devem receber a dose da monovalente.

Influenza

Já a Campanha Nacional de Vacinação contra Gripe Influenza acontece nos Postos de Saúde (bairros e distritos) e Policlínica, para todas as pessoas com idades a partir de 6 meses, de 2ª a 6ª feira, nos horários de 8h às 11h e de 13h às 15h30.

Para vacinar, procure o posto mais próximo de sua casa, sendo necessário levar CPF (documento de identificação), cartão de vacinas e cartão do SUS.

Aristides Dos Santos

Formação: Graduação presencial em TV, Cinema, Rádio e Internet pela UNIBAN (Universidade Bandeirantes do estado de São Paulo), campus Osasco- SP. Habilitação: Trabalhos em audiovisual (cinema), atividades de radiodifusão RTV, produção de livros, revistas e jornais (impressos e digitais), criação e gestão de tráfego pago ou orgânico para internet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *