Energia elétrica deve ficar mais barata, segundo Aneel

 As contas de luz devem ficar até 3,7% mais baratas neste ano, e 1,2% mais baratas em 2020, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel. O diretor-geral da entidade, André Pepitone, informou a redução na tarde desta quarta-feira (20).

 O barateamento da conta de energia elétrica só será possível porque a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) quitou um empréstimo realizado em 2014 junto a oito bancos, para ajudar as distribuidoras de energia a pagar o custo extra gerado pelo uso mais intenso de termelétricas.

 Em 2015, em meio a crise hídrica, a Aneel informou que o empréstimo para socorrer as distribuidoras custaria R$ 34 bilhões aos consumidores. Desse total, R$ 12,8 bilhões se referiam a juros.

 De acordo com o portal G1, com a quitação antecipada do empréstimo, os consumidores deixarão de pagar R$ 6,4 bilhões nas contas de luz em 2019. É isso que fará com que as contas de luz fiquem, em média, 3,7% mais baratas.

 Para 2020, a previsão é que os consumidores deixem de pagar R$ 2 bilhões nas tarifas de energia, o que permitirá uma redução média de 1,2% nas tarifas.

Foto: Reprodução / Indústria Hoje

Israel Malthik

Nasceu em São João Nepomuceno. É Técnico em Administração e Fotografia Artística. Foi fotógrafo da APCEF (Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal), freelancer em jornais como Estado de Minas e Agência Minas. Premiado por diversos clubes e grupos fotográficos. Atualmente é fotojornalista da Rádio Difusora de São João Nepomuceno. Israel Malthik também atua em editoriais de moda em grandes marcas da Zona da Mata Mineira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com